Em alta

como abrir uma empresa online

Como abrir uma empresa em 5 passos (Fonte: Sebrae)

Inicialmente, em seu trabalho no marketing digital, não será totalmente necessário saber como abrir uma empresa e fazer tudo tão certinho. Porém, mais pra frente quando estiver com uma estrutura maior, mesmo que virtual, poderá ser bastante útil você ter um CNPJ e abrir empresa.

Quando eu ingressei nesse ramo online, no início de minha faculdade de Publicidade e Propaganda, pensei em atuar como desenvolvedora de sites autônoma, onde não precisaria abrir uma empresa e, consequentemente, ter um custo todo mês de impostos e contador. Porém, como eu havia largado um estágio que durou apenas 3 semanas e decidi ter meu negócio, meu pai falou que me apoiaria com uma condição: que eu abrisse um empresa, para ser algo que eu realmente levasse a sério. Ele estava certo, não apenas por isso mas também porque poderiam surgir clientes maiores que exigissem a emissão da nota fiscal nos serviços prestados, e eu não ia querer perdê-los por não ser uma “empresa”, que muda bastante aos olhos de determinadas empresas. Pesquisei bastante,o site do Sebrae é excelente para quem está começando, fui atrás de um contador, abri minha empresa, e foi dito e feito. Não demorou muito e comecei a receber clientes de médio e grande porte, que solicitam quase sempre uma nota fiscal. O que eu ganhei com apenas um destes clientes já pagou todos os meus custos com a criação da empresa, e provavelmente eu não teria recebido esse dinheiro se não tivesse um CNPJ. Portanto, dependendo da atuação que você for fazer na internet pode ser interessante saber como abrir uma empresa. Além disso, quando você é uma “empresa individual”, os impostos que pagará pelos serviços prestados serão mais baixos do que se você trabalhar como autônomo.

Como abrir uma empresa

Então vamos ao passo a passo para abrir empresa de acordo com o Sebrae? Lembre-se de encontrar um contador de confiança, de preferência indicado por alguém, pois é melhor garantir que você estará nas mãos de um profissional honesto.

1) DEFINIR O TIPO

Você deve escolher se abrirá sua empresa individualmente, sem um sócio, ou se chamará alguém para investir na empresa com você. Formalmente falando, as opções são 3: Empresário Individual, Sociedade Empresária Limitada ou Sociedade Simples Limitada. A primeira, como o nome já diz, a empresa será apenas sua individualmente. A segunda, Empresária Limitada, é quando tiver dois ou mais sócios e que trabalhar no setor de comércio ou serviços não intelectuais. A terceira, Simples Limitada, é quando há dois ou mais sócios e a empresa atua com atividades intelectuais, ou seja, na área científica, artística ou literária.

Você é funcionário público?

Geralmente o funcionário público é proibido pelo Estatuto do Servidor de se tornar sócio-administrador ou titular de firma do tipo Empresário. O comum é permitirem que o funcionário seja apenas um sócio-quotista, aquele que não trabalha na empresa, não recebe o pró-labore (tipo um salário mensal pago ao dono da empresa que trabalha nela), mas em compensação tem total responsabilidade nos lucros ou prejuízos do negócio. Consulte melhor a entidade que você trabalha, neste caso, e veja qual opção eles dão a você.

----------------------------------------------------

ASSINE O INICIATIVA VIRTUAL GRATUITAMENTE
Junte-se a mais de 8.000 pessoas interessadas em empreendedorismo digital (100% Anti Spam)

Name
Email *

----------------------------------------------------

Você é aposentado por invalidez?

Se sim, você não pode ser sócio-administrador de uma empresa ou titular individual. A lei permite que você seja apenas sócio-quotista, conforme descrito acima.

Sociedade em outra empresa

Se você já é sócio em uma outra empresa, não tem problema, apenas existem algumas implicações para fins tributários (Simples Nacional). Verifique no art. 3º da LC 123/06. Porém, é proibido uma pessoa possuir duas empresas diferentes do tipo Empresário em seu nome.

 

2) ESCOLHER OS NOMES

Quando eu digo nomeS, é porque você precisará escolher dois nomes para sua empresa, um nome fantasia e um empresarial. O nome fantasia é aquele que alguém cria para a empresa e como ela será conhecida publicamente, para os clientes, parceiros e fornecedores. Ele serve para diferenciar seus produtos ou serviços do restante do mercado. É possível registrar seu nome e garantir que ninguém mais o utilize, transformando-o numa marca através do INPI (Instituto Nacional de Propriedade Industrial). Para pesquisar se o nome que você quer já está registrado, é só acessar o site do INPI aqui.

Já o nome Empresarial é aquele que será utilizado em contratos e documentos burocráticos. Será adotado o nome civil do titular da empresa, que poderá ser extenso ou abreviado, sem poder abreviar o último sobrenome. Não constituem sobrenome: Sobrinho, Filho, Júnior, Neto, etc. Caso o empresário possua um nome bastante comum, poderá usar algo que o diferencie, como um apelido ou a definição da atividade. Ex: Marcos da Silva; M. Da Silva; Marcos da Silva– Restaurante. Além disso, o nome será uma Razão Social ou Denominação Social. O primeiro, é o nome civil de um dos sócios mais um “& de companhia”, ou “& CIA”, para mostrar que há outros sócios, além da palavra “limitada”, por extenso ou abreviada. Também pode ser composta pelo sobrenome de mais de um dos sócios. A Denominação Social é composta por uma expressão de fantasia ou termo criado pelos sócios, pelo objetivo social da empresa (atividade) acrescido ao final a palavra “limitada”, abreviada ou por extenso. Vale ressaltar que não é possível que o nome empresarial reproduza sigla ou denominação de órgão público da administração direta, federal, estadual ou municipal, bem como de organismos internacionais.

 

3) CAPITAL SOCIAL

Você deve definir qual será a primeira fonte de recursos da empresa. O capital social é quanto a empresa irá utilizar de dinheiro para começar a atuar e arcar com as primeiras despesas. Geralmente, deve-se calcular os custos que terá com a empresa para os próximos três meses e ter o dinheiro suficiente para o período. Para trabalhar na internet, você precisará se certificar se deverá comprar um computador ou laptop (não precisa ser dos melhores, basta não ficar travando e possibilitar que você use a internet e programas comuns. Precisará também ter uma mesa, que seja em um canto isolado de sua casa, seja um quarto, sala, edícula, ou onde você achar mais apropriado, desde que seja um local tranquilo e que não fique passando pessoas toda hora.

 

4) ATIVIDADES

Você poderá exercer quantas atividades quiser em sua empresa. Existem alguns setores que não podem trabalhar com mais de um ramo de atividade, como por exemplo os serviços de turismo, mas não será o nosso caso aqui. Tudo irá depender da legislação específica para cada área. É muito importante que você especifique claramente quais atividades irá exercer para não haver problemas posteriormente.

 

5) DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA ABRIR UMA EMPRESA

a)      Cópia autenticada do RG e CPF do titular, caso seja Empresário Individual, ou do(s) sócio(s)–administrador(es), se for uma Sociedade. Aceitam também cópias de documentos de conselhos profissionais e carteiras de habilitação CNH devidamente autenticada,  que é quando a cópia do documento precisa ter um reconhecimento oficial de algum cartório ou tabelionato.

b)      Cópia do comprovante de endereço da empresa, que será utilizado para emitir o Alvará de Funcionamento. Pode ser o endereço de sua própria residência, o que é denominado Alvará de Ponto de Referência.

 

Basicamente é isso, pois a partir daí seu contador deverá fazer a parte burocrática para você. Lembrando, não abra a empresa logo no início quando começar a atuar com o marketing digital. Na verdade, não é aconselhável nem que você largue seu emprego chato no começo, pois vai que por algum motivo seu trabalho na internet não dê certo e você precisa se sustentar? Portanto, vá com calma, dê um passo de cada vez, pois desse jeito dificilmente dará errado para você.

Fonte: Sebrae

Publicitária por formação, empreendedora digital por vocação e atuação. Aqui você encontrará relatos do meu cotidiano em uma das profissões mais recentes e inacreditáveis do mundo.

Deixe uma resposta

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.